América recebe o Santos e tenta engrenar de vez na Série A

América recebe o Santos e tenta engrenar de vez na Série A
América quer segunda vitória consecutiva na Série A do Campeonato Brasileiro América quer segunda vitória consecutiva na Série A do Campeonato Brasileiro. Foto: João Zebral/América

Há três jogos sem perder, Coelho deixou a zona de rebaixamento e quer confirmar bom momento na competição

Em ascensão, o América recebe o Santos às 19h deste sábado (3), no Independência, em Belo Horizonte, em partida válida pela 9ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Há três jogos sem perder, o Coelho deixou a zona de rebaixamento e tenta engrenar de vez na competição.

O América vem de uma ótima vitória por 4 a 3 sobre o Bahia, no Estádio de Pituaçu, em Salvador. Na ocasião, o time de Vagner Mancini foi consistente defensivamente na maior parte do duelo e chegou a abrir 4 a 1 no placar, mas viu a falta de concentração resultar em dois gols sofridos já nos acréscimos.

Com um contra-ataque veloz e qualificado, o Coelho dá impressões de que será cada vez mais competitivo no Brasileirão. Na última partida, Felipe Azevedo, Juninho Valoura, Ribamar e Juninho balançaram as redes para a equipe mineira. O resultado positivo fez com que o América alcançasse a 16ª posição na tabela, com seis pontos - uma vitória, três empates e quatro derrotas em oito jogos.

Aspas americanas

O goleiro Matheus Cavichioli, do América, pregou humildade para o confronto com o Santos. Ele definiu a equipe paulista como um time 'chato', mas ressaltou a evolução no desempenho do América. O arqueiro aposta na força do 'fator Independência' para que o Coelho volte a somar três pontos.
 
"Muito pé no chão. É a certeza de que lá do outro lado tem trabalho também. Um time chato, um time complicado, mas a gente vem evoluindo. A gente vem crescendo. Eu acho que, dentro da nossa casa, a gente precisa muito fazer um bom resultado. Por que não já ser nessa próxima partida? Temos o pé no chão? Temos a cabeça no lugar? Muito. Mas a gente precisa almejar coisa grande. Precisa visualizar coisas grandes. Então, vamos trazer o que a gente fez de muito bom nas últimas partidas, minimizar as falhas e levar para esse jogo em casa. Fazer do Independência a nossa 'casa forte', como foi no ano passado", afirmou.

Momento do rival

O Santos vive bom momento. Apesar de ter empatado em 0 a 0 com o Sport na quarta-feira (30), na Vila Belmiro, em Santos, a equipe faz boa campanha na Série A do Campeonato Brasileiro e segue na disputa da Copa do Brasil. Além disso, disputará as oitavas de final da Copa Sul-Americana.
 
No Brasileirão, o Peixe é o 7° colocado, com 12 pontos em oito jogos - três vitórias, três empates e duas derrotas. Já são quatro jogos sem derrotas na competição - vitórias sobre São Paulo e Atlético, e empates com Grêmio e Sport.
 
Após um início irregular sob o comando do técnico Fernando Diniz, o time paulista parece assimilar cada vez melhor a filosofia ofensiva de jogo do treinador e tem demonstrado evolução.
 
O Santos, no entanto, tem uma marca negativa a superar. Já são quase seis meses sem vitórias longe de seus domínios no Brasileirão. Neste período, houve oito jogos - com cinco empates e três derrotas. O último triunfo do Peixe como visitante na Série A ocorreu ainda na última edição, quando, na 29ª rodada, bateu o rival São Paulo por 1 a 0 no Morumbi, na capital paulista.

Baixas e dúvidas

O Coelho tem duas ausências para o duelo: o lateral-esquerdo Marlon e o atacante Ademir seguem em tratamento de lesões no departamento médico.

Já a equipe paulista tem quatro baixas para o confronto. No departamento médico do clube, John e Alison seguem em recuperação de lesões. Já o atacante Kaio Jorge foi preservado por controle de carga. Em negociação com o Olympique de Marselha, da França, o zagueiro Luan Peres foi liberado da viagem para enfrentar o América.

AMÉRICA X SANTOS

América

Matheus Cavichioli; Eduardo, Eduardo Bauermann, Anderson e Alan Ruschel; Juninho Valoura, Zé Ricardo, Marcelo Toscano; Felipe Azevedo, Rodolfo e Ribamar.
Técnico: Vagner Mancini

Santos

João Paulo; Pará, Luiz Felipe, Kaiky e Felipe Jonatan; Camacho, Jean Mota e Gabriel Pirani; Marinho, Marcos Guilherme e Lucas Braga.
Técnico: Fernando Diniz
 
Motivo: 9ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Data e horário: sábado, 3 de julho de 2021, às 19h
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte
Árbitro: Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL)
Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL) e Brígida Cirilo Ferreira (AL)
VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)
Transmissão: Premiere
 

Fonte: Super Esportes

Informa Equipe Portal Guim@online - A gente conecta você!