Operação desarticula quadrilha de roubos a fazendas e prende 16 pessoas

Operação desarticula quadrilha de roubos a fazendas e prende 16 pessoas
Ação é coordenada pelo MPMG (foto: Divulgação/MPMG)

A ação foi coordenada pelo MP de Patos de Minas e Uberlândia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco)

Dezesseis pessoas foram presas nesta quarta-feira (6/7) por supostos envolvimento com uma quadrilha de furtos e roubos a fazendas, durante a operação Praga do Ministério Público Estadual (MPMG) em Patos de Minas e Uberlândia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). 

Os mandados de prisão temporária e 32 de busca e apreensão foram cumpridos em Minas Gerais, São Paulo e Goiás. A maior parte dos presos, 12 deles, estava em Uberlândia.

O objetivo da operação é desarticular uma organização criminosa especializada em assaltos que tinham como alvos tratores e implementos agrícolas. As investigações apontam que a quadrilha está envolvida em 24 delitos, sendo que o prejuízo causado pode chegar a R$ 5 milhões.

Os levantamentos mostram que só no estado de Minas Gerais a organização praticou crimes na zona rural dos municípios de Uberlândia, Uberaba, Araguari, Patrocínio, Coromandel, Nova Ponte, Indianópolis, Ibiá, Conceição das Alagoas, Tupaciguara, Perdizes, Pedrinópolis e Sacramento.    

Além dos Gaecos de Uberlândia e Patos de Minas, colaboraram com a ação o MP do Estado de São Paulo e as polícias Militar, Civil e Penal de Minas Gerais.

Fonte: EM

Informa Equipe Portal Guim@online - A gente conecta você!