Saiba como realizar a inscrição para o novo Auxílio Brasil

Saiba como realizar a inscrição para o novo Auxílio Brasil

O novo programa é destinado a famílias de baixa renda inscritas no Cadúnico.

O Auxílio Brasil vem como substituto do antigo Bolsa Família, encerrado ao final do último mês de outubro. Os repasses do novo programa começam ainda neste mês de novembro, com cotas no valor de R$ 220. 

A ideia do Governo Federal para o Auxílio Brasil é conceder pagamentos mensais de R$ 400, entretanto, devido à falta de recursos para tal, o valor pretendido foi adiado, até então, para o próximo mês de dezembro. Isto porquê, ainda é esperado aprovação a Pec do Precatórios como recurso para utilizar o valor mais alto.

Inscrição para o Auxílio Brasil 

Dentre as poucas definições para o recebimento do benefício está a obrigatoriedade de inscrição no Cadastro Único. Esta regra, se trata de um requisito comum para concessão de benefícios do governo, de modo que já existia no Bolsa Família. 

O Cadúnico nada mais é que um sistema utilizado pelo governo na identificação de famílias de baixa renda e direcioná-las para programas sociais, como é o caso do Auxílio Brasil. 

A devida inscrição no sistema, somente pode ser realizada pessoalmente através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou pelos postos de atendimento do Cadúnico. Para isto será preciso apresentar uma determinada documentação. Confira: 

  • No caso do titular da família será preciso apresentar o CPF ou Título de Eleitor; 
  • No caso dos demais integrantes será preciso apresentar algum dos seguintes documentos: Certidão de Nascimento, Certidão de Casamento, CPF, RG, Carteira de Trabalho ou Título de Eleitor.

Vale enfatizar que até então, só serão contemplados pelo Auxílio Brasil, àqueles que já integravam o Bolsa Família. O plano do governo incluir cerca de 2,4 milhões neste montante que será beneficiado, todavia, ainda não se sabe ao certo quando isto irá acontecer. 

Calendário do Auxílio Brasil 

O programa já possui uma data para iniciar os pagamentos. Os contemplados serão ordenados conforme o último dígito do Número de Identificação Social (NIS), assim como era no Bolsa Família. Confira o calendário para este mês de novembro: 

  • NIS com final 1: 17 de novembro de 2021;
  • NIS com final 2: 18 de novembro de 2021;
  • NIS com final 3: 19 de novembro de 2021;
  • NIS com final 4: 22 de novembro de 2021;
  • NIS com final 5: 23 de novembro de 2021;
  • NIS com final 6: 24 de novembro de 2021;
  • NIS com final 7: 25 de novembro de 2021;
  • NIS com final 8: 26 de novembro de 2021;
  • NIS com final 9: 29 de novembro de 2021;
  • NIS com final 0: 30 de novembro de 2021.

Fonte: Rede Jornal Contábil

Informa Equipe Portal Guim@online - A gente conecta você!